Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Palestinos em Chicago derrubam candidata extremista pró-Israel

Sharon Brannigan [@ aaanmarkaz / Twitter]
Sharon Brannigan [@ aaanmarkaz / Twitter]

A comunidade palestina em Chicago, Illinois, conseguiu derrotar a candidata extremista de direita e pró-Israel, Sharon Brannigan, nas eleições locais, informaram agências de notícias ontem.

De acordo com agências de notícias, a comunidade palestina mobilizou outras comunidades árabes e apoiadores da causa palestina para participar de uma campanha para garantir que Brannigan não ganhe a disputa eleitoral do Conselho Municipal de Palos em Chicago.

Brannigan teria realizado “muitos ataques preconceituosos contra árabes americanos e outros vizinhos”.

Palestinos, árabes e seus apoiadores participaram da campanha contra Brannigan usando a hashtag #ByeBrannigan.

Brannigan e o conselho da cidade tentaram silenciar a comunidade, mas falharam sistematicamente, mesmo depois de terem contratado uma empresa de segurança para intimidar os manifestantes e chamar a polícia de Palos Hills, levando à prisão de cinco líderes do movimento, relatou o site de notícias Fight Back.

LEIA: Israel não silenciará Tlaib e Omar ao impedi-las de entrar

Os manifestantes conseguiram justiça, no entanto, quando o juiz considerou o testemunho de Brannigan “contraditório”, rejeitou o caso e “essencialmente afirmou o direito dos manifestantes de cantar e desafiar Brannigan e outros curadores nas reuniões do município”, de acordo com uma declaração de outubro de 2020 do Rede de Ação Árabe Americana.

Até o momento, o assessor em exercício Robert Maloney parece vencer com 62 por cento dos votos não oficiais, no entanto, os resultados relatados pelo escrivão do Condado de Cook na semana passada não são oficiais até que sejam certificados e todas as cédulas provisórias e enviadas sejam contadas. O prazo para a campanha é 27 de abril.

Categorias
Ásia & AméricasEstados UnidosNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments