Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Sem futuro para as próximas gerações em Israel, general do exército adverte

Milhares de pessoas se reúnem em frente ao Parlamento israelense durante uma manifestação de protesto contra o Primeiro Ministro israelense Benjamin Netanyahu, em Jerusalém Ocidental, em 20 de março de 2021 [Mostafa Alkharouf / Agência Anadolu]
Milhares de pessoas se reúnem em frente ao Parlamento israelense durante uma manifestação de protesto contra o Primeiro Ministro israelense Benjamin Netanyahu, em Jerusalém Ocidental, em 20 de março de 2021 [Mostafa Alkharouf / Agência Anadolu]

O General da Brigada israelense (Reserva) Zvika Fogel advertiu ontem que a crise política em Israel e os conflitos entre políticos israelenses tiveram consequências destrutivas para as próximas gerações, informou a agência de notícias Shehab.

Shehab divulgou reportagem no Canal 7 da TV israelense em que Fogel diz que a comunidade israelense “está caminhando para o abismo com plena consciência e sem hesitação devido ao envolvimento de seus políticos nas guerras internas”.

“Perdemos nossa soberania no Negev e não estamos mais controlando as gangues criminosas que estão ativas lá”, disse ele, “estamos perdendo a soberania na Cisjordânia e no Vale do Jordão”.

Comentando sobre o envolvimento potencial dos partidos árabes em uma coalizão do governo israelense, ele disse: “Se eu fosse Yahya Al Sinwar [líder do Hamas em Gaza] ou Hassan Nasrallah [líder do Hezbollah no sul do Líbano], lançaria mil foguetes quando tal governo fosse anunciado, a fim de provar sua fragilidade e quão facilmente seria dissolvido”.

No entanto, ele elogiou Israel por seu “tremendo sucesso” em minar o programa nuclear do Irã.

Ele disse que o Irã nunca representaria um perigo existencial para Israel mesmo que desenvolvesse suas capacidades, porque a República Islâmica reconhece que Israel tem poder suficiente para lançar “golpes duros e dolorosos” contra ele.

“Paz e convivência”, explicou ele, “nunca acontecerá a menos que Israel prove sua capacidade de bater e causar danos a seus inimigos”.

LEIA: Colonos ilegais tomam quinze casas palestinas em Jerusalém ocupada

Categorias
IrãIsraelLíbanoNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments