Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Parlamentares curdos exigem do governo regional que entregue petróleo a Bagdá

Caminhões de petróleo passam por uma rodovia perto da refinaria de Dora, ao sul de Bagdá, Iraque, 2 de novembro de 2008 [Ali Yussef/AFP/Getty Images]
Caminhões de petróleo passam por uma rodovia perto da refinaria de Dora, ao sul de Bagdá, Iraque, 2 de novembro de 2008 [Ali Yussef/AFP/Getty Images]

O bloco parlamentar conhecido como União Patriótica do Curdistão reivindicou nesta segunda-feira (18) que o Governo Regional Curdo, estabelecido no norte do Iraque, dê início ao envio de petróleo à capital federal Bagdá, conforme o plano orçamentário de 2021.

As informações são da agência Anadolu.

“Exortamos o Governo Regional Curdo a iniciar imediatamente o envio de petróleo ao governo federal, como determinado pelo projeto de lei orçamentária, para garantir o pagamento de salários aos funcionários da região, neste mês e nos próximos”, afirmou o bloco em nota.

Prosseguiu: “Trata-se de uma iniciativa para demonstrar boa vontade e restaurar a confiança entre Bagdá e o governo regional”.

Em contrapartida, o bloco reivindicou do governo iraquiano que cumpra suas obrigações e pague os salários aos funcionários públicos da região autônoma e reiterou seu compromisso em solucionar as diversas questões ainda presentes entre as partes.

Em 14 de dezembro, o Curdistão concordou em entregar 250.000 barris de petróleo por dia à companhia iraquiana SOMO, em troca do pagamento de salários aos funcionários da região.

LEIA: Iraque terá crise de água se o acordo com a Turquia não for alcançado, alerta oficial

Categorias
IraqueNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments