Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Coreia do Sul busca ajuda do Catar para liberar petroleiro confiscado pelo Irã

Navio petroleiro atracado em um porto [foto de arquivo]
Navio petroleiro atracado em um porto [foto de arquivo]

O Ministério de Relações Internacionais da Coreia do Sul anunciou na quinta-feira (14) que seu vice-chanceler Choi Jong Kun fez um apelo ao Catar, durante visita no dia anterior, para ajudar seu país a liberar um petroleiro coreano e sua equipe, detidos pelo Irã.

Segundo informações da agência de notícias Yonhap, Jong Kun encontrou-se com oficiais de Doha, incluindo o vice-premiê e Ministro de Relações Exteriores Mohammed Bin Abdulrahman Al Thani e o Ministro de Estado para Relações Exteriores Sultan Bin Saad Al-Muraikhi.

Os diplomatas concordaram em manter a cooperação bilateral nos campos de construção, energia e saúde, além de política internacional e posição nos fóruns da ONU.

Jong Kun exortou os oficiais catarianos a atuarem para ajudar a liberar o petroleiro e os congratulou pela restauração de relações entre Doha e seus países vizinhos, após a recente cúpula do Conselho de Cooperação do Golfo (CCG), na Arábia Saudita.

O diplomata coreano reuniu-se também com Saad Sherida al-Kaabi, Ministro de Estado para Assuntos de Energia e vice-presidente da empresa estatal Qatar Petroleum, a fim de manter a cooperação bilateral nos campos de desenvolvimento e transporte energético.

Jong Kun deve retornar à Coreia do Sul nesta sexta-feira (15), após turnê que incluiu o Irã.

LEIA: Pompeo diz que Al Qaeda encontrou novo lar no Irã, sem evidências

Categorias
Ásia & AméricasCatarCoreia do SulIrãNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments