Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Rússia critica Estados Unidos por acusar Irã de apoiar a Al-Qaeda

Zamir Kabulov, representante especial da Rússia para o Afeganistão [DFID/Flickr]
Zamir Kabulov, representante especial da Rússia para o Afeganistão [DFID/Flickr]

As recentes acusações dos Estados Unidos de que o Irã tornou-se um “reduto seguro” para o grupo terrorista Al-Qaeda são “infundadas”, afirmou Zamir Kabulov, porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da Rússia.

Na terça-feira (12), o Secretário de Estado dos Estados Unidos Mike Pompeo alegou que Teerã “apoia ativamente a Al-Qaeda”, ao fornecer “documentos de viagem e suporte logístico” a agentes da organização.

“Parece que Pompeo, diante do fim da presidência de Donald Trump, quer fazer ainda mais para prejudicar o Irã. Contudo, [sua declaração] é absolutamente infundada e injustificada”, declarou Kabulov, segundo a agência Sputnik.

O diplomata destacou que Moscou “não tem qualquer informação sobre possíveis vínculos de Teerã com a Al-Qaeda”.

O Ministro de Relações Exteriores do Irã Mohammad Javad Zarif criticou veementemente as acusações de Pompeo, ao descrevê-las como “fictícias”.

“O senhor ‘minto, fraudo, roubo’ [Pompeo] encerra sua desastrosa carreira de forma patética, com mais mentiras beligerantes”, compartilhou Zarif em sua página do Twitter.

LEIA: Talibã exorta Joe Biden a cumprir o acordo de paz de Doha

Categorias
Ásia & AméricasEUAEuropa & RússiaIrãNotíciaOriente MédioRússia
Show Comments
Show Comments