Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Gaza aguarda aprovação de Israel para exportar morangos à Europa

Os morangos de Gaza, ou ‘ouro vermelho’, passam agora por testes laboratoriais à espera da aprovação israelense para exportação

A temporada de “ouro vermelho” em Gaza está a pleno vapor. Morangos são colhidos e preparados para venda e exportação. Entretanto, fazendeiros palestinos ainda aguardam pela aprovação da ocupação israelense para que suas mercadorias sejam enviadas à Europa.

Os frutos passam agora por testes laboratoriais para determinar qualidade do produto e enfim obter o aval israelense para exportação.

Para os fazendeiros palestinos, trata-se de mais um período de tensão, após anos e anos de negativa israelense, ao prescrever a venda de morangos apenas à Cisjordânia, portanto, reduzindo drasticamente o valor da safra.

Para lavrar um dunam de terra (0.01 km²) são precisos aproximadamente US$5.000, que produzem três toneladas de morangos. O processo leva cinco meses.

LEIA: Fotógrafo do MEMO começa a documentar a vida marinha de Gaza

Abdullah Muslim, junto de outros fazendeiros palestinos, relata trabalhar a terra sob receios de que a concorrência com as safras da Espanha e Holanda poderão resultar em prejuízo no final da temporada, devido às restrições do cerco israelense.

Ahmed al-Shafei, presidente da Sociedade Cooperativa Agrária de Gaza, confirmou que, caso os mercados internacionais não sejam abertos à exportação, os fazendeiros terão problemas em vender seus produtos, diante da recessão econômica sem precedentes.

Al-Shafei espera que esta temporada seja capaz de produzir uma quantidade mais alta de morangos do que a última, devido ao aumento nas áreas cultivadas.

Categorias
Europa & RússiaIsraelNotíciaOriente MédioPalestinaVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Show Comments