Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Reino Unido e França assinam novo acordo para conter imigração

Secretária de Estado do Reino Unido Priti Patel (centro) e Ministro do Interior da França Gerald Darmanin (à direita) inspecionam equipamentos da polícia francesa em visita a Calais, 12 de julho de 2020 [Denis Charlet/AFP/Getty Images]
Secretária de Estado do Reino Unido Priti Patel (centro) e Ministro do Interior da França Gerald Darmanin (à direita) inspecionam equipamentos da polícia francesa em visita a Calais, 12 de julho de 2020 [Denis Charlet/AFP/Getty Images]

Reino Unido e França assinaram um novo acordo para tratar da imigração irregular via Canal da Mancha, reportou a agência Anadolu.

Paris concordou em dobrar o número de oficiais de segurança que patrulham as praias francesas, ponto de origem para muitas das perigosas jornadas de refugiados à ilha britânica.

Priti Patel, Secretária de Estado para Assuntos Internos do Reino Unido, e Gerald Darmanin, Ministro do Interior da França, “reafirmaram seu compromisso para tornar a rota inviável”, ao assinar o acordo, segundo nota do governo britânico.

“As partes assinaram um acordo melhorado, construído sobre a cooperação conjunta que já vê aumento proporcional nas travessias interceptadas, de 41% em 2019 a 60% nas últimas semanas”, prosseguiu o comunicado.

LEIA: Polícia de Paris desmonta o 65º acampamento de migrantes em cinco anos

Dobrar a presença policial no lado francês “deverá impulsionar a patrulha dos 150 km de faixa costeira, alvo regular de redes de tráfico humano, além de permitir taxas mais rápidas de resposta contra atividades suspeitas, ao impedir migrantes de deixarem as praias francesas, em primeiro lugar, e evitar novas travessias perigosas e desnecessárias”.

Os ministros “concordaram em implementar um pacote de tecnologia de vigilância de última geração, incluindo drones, equipamentos de radar, binóculos eletrônicos e câmeras fixas”.

“Além dos planos operacionais, introduziremos um novo sistema de asilo, firme e justo, e apresentaremos novas legislações para o próximo ano, a fim de cumprir nossos compromissos”, declarou Patel, ao confirmar mais uma vez os planos do governo conservador britânico em conter a migração ao país.

Mais de 8.000 pessoas realizaram a travessia da costa francesa em direção ao Reino Unido, ao longo de 2020, segundo informações da mídia local.

LEIA: Campanha no Twitter pede salvo-conduto aos refugiados, em direção à Europa

Categorias
Europa & RússiaFrançaNotíciaReino Unidos
Show Comments
Show Comments