Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Milícias religiosas invadem salão de massagens e agridem trabalhadoras em Bagdá

Salões e spas viram alvo no país por serem considerados "centros de prostituição".

Rab’Allah, um grupo ligado às Forças de Mobilização Popular do Iraque (PMF), apoiado pelo Irã, divulgou um vídeo via Telegram mostrando um grupo de membros mascarados invadindo a sala de Shilan, gritando slogans religiosos e espancando as mulheres que trabalhavam lá, com bastões e paus.

O grupo descreveu suas ações como um esforço para “combater a corrupção social”.

Salões e spas têm uma reputação infame no país de serem considerados “centros de prostituição”.

O grupo esteve ligado a vários ataques no Iraque nos últimos meses, incluindo ações contra ativistas locais e manifestantes antigovernamentais.

LEIA: Deputada iraquiana alerta governo para aumento da violência doméstica em 2020

Categorias
IrãIraqueNotíciaOriente MédioVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Show Comments