Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

OIM repatria 154 imigrantes de Bangladesh que estavam na Líbia

Grupo de imigrantes é resgatado pela Guarda Costeira da Líbia, após seu bote afundar na costa da cidade de Al-Khoms, Líbia, 25 de julho de 2019 [Hazem Turkia/Agência Anadolu]
Grupo de imigrantes é resgatado pela Guarda Costeira da Líbia, após seu bote afundar na costa da cidade de Al-Khoms, Líbia, 25 de julho de 2019 [Hazem Turkia/Agência Anadolu]

A Organização Internacional para as Migrações (OIM) declarou ter enviado 154 imigrantes da Líbia a seu país de origem, reportou a agência de notícias Xinhua.

Segundo as informações, na última semana, 154 imigrantes de Bangladesh foram repatriados através do programa de Retorno Humanitário Voluntário (RHV), em avião fretado que saiu do aeroporto Benina, em Benghazi, localizado no leste da Líbia.

“A bordo do voo estavam também sete imigrantes indianos, a quem a OIM providenciou assistência na mesma rota, para levá-los a Nova Déli”, declarou a agência em comunicado.

O voo foi possível graças ao apoio do Fundo de Emergência da União Europeia e coordenação com as embaixadas de Bangladesh e Índia, em Trípoli, capital da Líbia.

Mais de 4.800 imigrantes isolados estão hoje na Líbia, conforme os registros da OIM, à espera da repatriação, de acordo com o programa de retorno humanitário.

Um total de de 3.196 refugiados e imigrantes são mantidos em onze centros de detenção por todo o território líbio, segundo dados da Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (ACNUR) e a agência migratória, compilados até 19 de outubro.

LEIA: Sátiras Religiosas na França – Qual é o limite da liberdade de expressão?

Categorias
ÁfricaÁsia & AméricasBangladeshÍndiaLíbiaNotíciaONUOrganizações Internacionais
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments