Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Turquia descobre recursos naturais de energia no Mar Negro

Mar Negro, outubro de 2014 [Katya / Flickr]
Mar Negro, outubro de 2014 [Katya / Flickr]

A Turquia descobriu recursos naturais de energia no Mar Negro, afirmaram dois especialistas com conhecimento no assunto, de acordo com a Bloomberg.

Após o anúncio do presidente turco Recep Tayyip Erdogan de que ele forneceria “boas notícias” que beneficiariam e trariam uma nova era para a nação, os turcos e muitos na comunidade internacional especularam sobre o que poderia ser. “Se eu anunciá-lo agora, a empolgação desaparecerá”, disse Erdogan.

Os relatórios então começaram a circular sobre a descoberta dos novos recursos de energia, e avaliação do estrategista baseado em Londres Timothy Ash – da empresa BlueBay Asset Management LLP. Escrevendo no Twitter, Ash disse que “Houve descobertas de gás no Mar Negro antes, mas em escala limitada”. Isso está ligado aos interesses de longo prazo do país em adquirir seus próprios recursos de energia. “Dada sua conta anual de importação de energia de US $ 35-50 bilhões, a Turquia precisa de algo grande para mudar o jogo”, disse.

A descoberta e exploração desses recursos – provavelmente gás – poderiam então permitir que a Turquia vendesse e fornecesse suprimentos para as nações vizinhas, de acordo com o diretor-gerente da consultoria Merkel Energy, Christoph Merkel. “Não acho que seja surpreendente que mais descobertas venham de lá. Bulgária, Ucrânia, Grécia podem estar entre os que estão muito interessados ​​em comprar esse gás, se a Turquia decidir exportá-lo. ”

LEIA: Egito acusa Turquia de potencialmente invadir suas águas, durante estudos no Mediterrâneo

Essas reservas de energia, cujo tamanho ainda não é conhecido, poderiam permitir à Turquia reduzir sua dependência da Rússia para energia, Merkel diisse que se as reservas forem grandes o suficiente, isso poderia tornar parcialmente “ocioso” o canal TurkStream de condução do gás da Rússia para a Turquia. “Por que a Turquia iria querer continuar importando gás da Rússia?” ele perguntou.

A descoberta da Turquia ocorre em meio a um declínio acentuado da lira nas últimas semanas, que teve uma baixa recorde em relação ao dólar dos EUA, bem como tensões crescentes no Mediterrâneo Oriental sobre a exploração de reservas de energia nessas águas pela Turquia .

Ontem, 27 líderes da União Europeia e membros do Conselho Europeu realizaram uma videoconferência na qual discutiram a questão das ações da Turquia no oleoduto EastMed e suas tensões com a Grécia e o sul de Chipre. Os líderes europeus expressaram “total solidariedade com a Grécia e Chipre e relembraram e reafirmaram nossas conclusões anteriores sobre as atividades ilegais de perfuração”.

Embora Erdogan tenha prometido não recuar em meio às tensões e à busca por recursos energéticos, essa disputa o levou também a buscar reservas no Mar Negro na área chamada Tuna-1, a cerca de 150 quilômetros da costa norte da Turquia e perto da convergência das fronteiras marítimas da Roménia e da Bulgária. É lá que o navio-sonda turco Fatih vem conduzindo operações de perfuração desde meados de julho, disse a Bloomberg, citando um site da Marinha turca.

LEIA:‘Não deixaremos ninguém ferir os interesses da Turquia’, afirma ex-premiê adjunto do país

Categorias
Europa & RússiaNotíciaTurquia
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments