Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Iraque deve rever seu acordo estratégico com os EUA, afirma novo primeiro-ministro

Novo Primeiro-Ministro do Iraque Mustafa al-Khadimi discursa em sessão do parlamento que lhe concedeu o voto de confiança paro cargo, em Bagdá, Iraque, 6 de maio de 2020 [Parlamento do Iraque/Agência Anadolu]

Neste sábado (9), o recém eleito Primeiro-Ministro do Iraque Mustafa al-Kadhimi declarou que o acordo estratégico com os Estados Unidos, com base na proteção da unidade e soberania iraquiana, deve ser revisto. As informações são da agência Anadolu.

Logo após sua primeira reunião de gabinete, al-Kadhimi anunciou a repórteres que os novos oficiais de governo estabeleceram uma equipe de crise composta por especialistas em relações internacionais.

Iraque e Estados Unidos assinaram o Acordo de Quadro Estratégico em 2008, ao justificá-lo por uma renovada relação de amizade e cooperação entre os dois países.

LEIA: Militar diz que Iraque e EUA discutem retirada de tropas em junho

Na quinta-feira (7), o Parlamento concedeu o voto de confiança a Al-Kadhimi e parte de seu gabinete para sucederem o governo em exercício de Adel Abdul-Mahdi, que renunciou ao cargo em 2019, após onda de protestos populares.

Al-Kadhimi conseguiu compor um novo governo após fracassarem duas outras indicações a primeiro-ministro. Mohammad Allawi e Adnan Al-Zurfi foram indicados ao cargo, mas não conseguiram reunir apoio necessário para constituir governo.

O Iraque vivencia manifestações em massa desde 1° de outubro, devido às más condições de vida e corrupção no país.

A resposta do governo aos protestos resultou em ao menos 496 iraquianos mortos e 17.000 feridos, segundo o Alto Comissariado para Direitos Humanos no Iraque.

Categorias
Ásia & AméricasEUAIraqueNotíciaOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments