Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Manifestantes do Iraque rejeitam a nomeação do governador de Basra por ser “apoiado pelo Irã”

Manifestações antigovernamentais no Iraque. Em 15 de novembro de 2019 [Murtadha Sudani/Agência Anadolu]

Manifestantes iraquianos rejeitaram ontem a indicação de Asaad Al Eidani, governador da província de Basra, no sul, para formar o próximo governo.

Em um comunicado, os manifestantes acusaram Al Eidani de corrupção e o descreveram como alguém a serviço do Irã no Iraque.

O bloco Binaa, vinculado às Unidades de Mobilização Popular (PMF) apoiadas pelo Irã, nomeou Al Eidan como o novo primeiro-ministro na quarta-feira.

Em seu comunicado, os manifestantes disseram que o povo iraquiano rejeita a nomeação de Al Eidani porque ele é responsável por matar manifestantes em Basra e por violações flagrantes contra o povo da província.

A declaração acrescentou que a Revolução de Outubro foi lançada contra pessoas como Al Eidani, que é corrupto e funciona como uma ferramenta para o Irã no Iraque.

Categorias
IrãIraqueNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments