Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Emirados Árabes Unidos doam US$ 50 milhões à UNRWA

Palestinos protestam contra a decisão dos EUA de cortar o financiamento para a Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados Palestinos no Oriente Próximo (UNRWA) em frente à fronteira de Beit Hanoun na Cidade de Gaza, Gaza em 4 de setembro de 2018 [Ali Jadallah / Agência Anadolu]

Os Emirados Árabes Unidos anunciaram uma contribuição de 50 milhões de dólares para a Agência das Nações Unidas de Assistência aos Refugiados da Palestina no Oriente Próximo (UNRWA), conforme um comunicado feito hoje.

A UNRWA informa que isso reitera o “compromisso dos Emirados Árabes Unidos em apoiar os serviços vitais e salvadores prestados pela Agência a mais de cinco milhões de refugiados da Palestina na Síria, Líbano, Jordânia, Gaza e na Cisjordânia”. E acrescenta que “os Emirados Árabes Unidos são um parceiro valioso e confiável e um dos poucos doadores selecionados cujo apoio regular ao longo de várias décadas contribuiu muito para a capacidade da agência de cumprir seu mandato”.

O Comissário Geral da UNRWA, Pierre Krahenbuhl, elogiou a excelente demonstração de apoio dos Emirados Árabes Unidos. “Em um momento de intensa pressão sobre nossa agência, a imensa generosidade dos Emirados Árabes Unidos envia uma mensagem clara de que os refugiados da Palestina não estão sozinhos. Além de uma contribuição financeira crucial, é também uma demonstração de solidariedade dos Emirados Árabes Unidos pela qual sou profundamente grato”.

De acordo com o comunicado, “este extraordinário apoio financeiro ajudará a UNRWA a manter os seus programas para 2019 conforme o planejado, nomeadamente nas áreas dos cuidados de saúde primários, educação e serviços sociais, todos vitais para a vida e dignidade dos refugiados da Palestina e âncora para a sensação de estabilidade.”

Isso ocorre quando os relatórios revelam que os Emirados Árabes Unidos se ofereceram para sediar a segunda reunião para revelar detalhes do plano de paz dos EUA para o Oriente Médio, apelidado de “acordo do século”. Os palestinos rejeitaram repetidamente o acordo dizendo ser um esforço para erradicar sua causa e seus direitos.

Categorias
Ásia & AméricasEmirados Árabes UnidosEUAIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments