Portuguese / English

Middle East Near You

Palestinos em Gaza ficam com sede quando Israel bloqueia o fornecimento de combustível

Os palestinos deslocados em Gaza estão lutando para atender às suas necessidades de água, pois Israel continua a proibir a entrada de combustível no enclave, interrompendo assim a distribuição de água e a operação de usinas de dessalinização.

Mais de um milhão de palestinos estão agora aglomerados na região oeste de Gaza, ao longo da costa, depois de terem sido deslocados em várias ocasiões, mais recentemente da cidade de Rafah, no extremo sul.

A UNRWA e a Coastal Municipalities Water Utility têm trabalhado para fornecer combustível às usinas de dessalinização, mas isso nem sempre foi possível.

A falta de água levou à disseminação de doenças entre os palestinos deslocados, que foram forçados a viver em condições de superlotação.

Em um esforço para aliviar o fardo, instituições de caridade têm distribuído água retirada de poços ou de usinas de dessalinização que operam intermitentemente, mas as quantidades são insuficientes para as necessidades dos residentes.

Dezenas de pessoas deslocadas se reuniram quando um caminhão com contêineres de água chegou a Nuseirat. A cena da chegada do caminhão é um testemunho do desespero das pessoas que ficaram com sede e sem acesso às suas necessidades básicas de água como resultado da campanha genocida de Israel contra os palestinos.

LEIA: Hospital de Gaza registra 50 casos de desnutrição infantil em apenas uma semana

Como resultado de seu bombardeio em Gaza, Israel destruiu muitos tanques de água e mais de 400 poços. A vasta destruição que deixou para trás significa que os caminhões não podem acessar a maioria das áreas, forçando os residentes a se mudarem para localidades onde as estradas sujas são acessíveis para que possam tentar suprir as necessidades de alimentos e água de suas famílias quando as doações chegarem.

Espera-se que a situação se torne cada vez mais crítica à medida que as temperaturas do verão continuem a subir, com a expectativa de aumento dos casos de desidratação e derrame cardíaco.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestinaVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Palestina: quatro mil anos de história
Show Comments