Portuguese / English

Middle East Near You

Israel responde aos pedidos de cessar-fogo com mais derramamento de sangue em Gaza, acusa Erdogan

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan (esq.) e o primeiro-ministro espanhol Pedro Sanchez (dir.) em coletiva de imprensa conjunta após reunião em Madri, Espanha, em 13 de junho de 2024. [Burak Akbulut/ Agência Anadolu].

O presidente turco Recep Tayyip Erdogan acusou Israel de “arrogância”, dizendo que o país responde “aos pedidos de cessar-fogo com derramamento de sangue”.

A declaração foi feita durante uma coletiva de imprensa conjunta com o primeiro-ministro espanhol Pedro Sanchez, após a reunião de ontem em Madri.

Em seu discurso, Erdogan elogiou Sanchez por sua posição em relação à guerra de Gaza, dizendo que ele “tem seguido uma política consistente e de princípios desde o primeiro dia e tem um lugar especial no coração de toda a nação turca”.

“Em nome do meu povo, parabenizo” Sanchez por sua atitude, acrescentou o presidente turco.

LEIA: “Netanyahu não quer cessar-fogo pois sabe que amanheceria na prisão”

Mais de 37.200 palestinos foram mortos em Gaza desde outubro, a maioria deles mulheres e crianças, e mais de 84.900 ficaram feridos, de acordo com as autoridades de saúde locais.

Oito meses após o início da guerra israelense, vastas áreas de Gaza estão em ruínas em meio a um bloqueio incapacitante de alimentos, água potável e medicamentos.

Israel é acusado de genocídio pelo Tribunal Internacional de Justiça, cuja última decisão foi de que a ocupação interrompa imediatamente suas operações na cidade de Rafah, no sul do país, onde mais de um milhão de palestinos buscaram refúgio da guerra antes da invasão em maio.

Categorias
EspanhaEuropa & RússiaIsraelNotíciaOriente MédioPalestinaTurquia
Show Comments
Palestina: quatro mil anos de história
Show Comments