Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Sob aposta e às cegas, enfermeiro egípcio insere agulha em bebê recém-nascido

Um vídeo viralizou nas redes sociais de um enfermeiro egípcio de olhos vendados inserindo uma agulha no tornozelo de um bebê recém-nascido

Um vídeo viralizou nas redes sociais de um enfermeiro de olhos vendados inserindo uma agulha no tornozelo de um bebê recém-nascido. O enfermeiro opera na unidade neonatal do Hospital Abu Qarqas, na província de Minya, no Egito.

Segundo postagens online, o enfermeiro e um amigo apostaram o café da manhã que poderiam realizar o procedimento às cegas.

O enfermeiro inseriu e removeu a agulha múltiplas vezes, segundo a imprensa local.

Trata-se do segundo escândalo em um hospital egípcio somente nesta semana, após um oficial da Força Aérea ser denunciado por agredir violentamente enfermeiras em um hospital público na província de Menufia.

Segundo os relatos, uma enfermeira sofreu um aborto após ser espancada com uma corda pelo oficial do exército e sua família, em um ataque registrado em vídeo.

Pacientes no Egito queixam-se há anos do sistema de saúde do país, que sofre de grave falta de unidades de terapia intensiva (UTI), pessoal qualificado e suprimentos médicos.

Segundo dados do Ministério da Saúde do estado norte-africano, há cerca de dez médicos para cada dez mil cidadãos, comparado a uma média global de 32 médicos para cada dez mil.

Desde 2017, houve um aumento de 202% no êxodo de profissionais de saúde à Grã-Bretanha.

LEIA: Família teme tortura caso cidadão egípcio-americano seja extraditado ao Egito

Categorias
ÁfricaEgitoEuropa & RússiaNotíciaOriente MédioReino UnidoVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments