Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Exportação de armas de Israel aumenta substancialmente em 2021

1
Armas e equipamentos militares em exibição [Fatemeh Bahrami/Agência Anadolu]

A exportação de armas de Israel vivenciou um aumento considerável no último ano, reportou a imprensa local, segundo informações da agência Anadolu.

Índices da Diretoria de Cooperação Internacional do Ministério da Defesa mostraram aumento de 30% nas vendas de armamentos e itens militares, em 2021.

A indústria de guerra israelense obteve novos contratos no valor acumulado de US$11.3 bilhões no período citado, comparados a US$8.6 bilhões no ano anterior.

Até setembro do ano corrente, Tel Aviv registrou quase quatro mil contratos de exportação de armas; em 2021, foram 5.400 novos contratos.

“O ano não terminou, mas parece estar a caminho de consolidar volumes altíssimos de vendas de armamentos e uma longa lista de acordos de defesa”, indicou o jornal israelense Haaretz. A reportagem atribuiu o aumento à normalização com estados árabes e à guerra na Ucrânia.

Em 2020, o estado ocupante firmou acordos com Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Marrocos e Sudão. A normalização gerou repúdio generalizado entre os palestinos.

LEIA: Israel e Rio de Janeiro: comércio de tecnologias e produção da morte

 

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments