Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Alto comandante militar é morto a tiros no leste do Iêmen

1
Um combatente leal ao separatista Conselho de Transição Sul (STC) do Iêmen segura a bandeira separatista na província de Abyan, no sul, em 18 de maio de 2020 [NABIL HASAN/AFP via Getty Images]

Belkhir Banseb, da 2ª Zona Militar, foi atacado por homens armados não identificados na cidade de Hadramaute no domingo, informou a Agência Anadolu.

“O Iêmen perdeu um dos mais proeminentes quadros e heróis, que se distinguiu pela coragem e determinação”, disse Aidarus al-Zubaidi, vice-chefe do Conselho de Transição do Sul, em comunicado.

Não houve reivindicação de responsabilidade pelo ataque. No entanto, o grupo terrorista Al-Qaeda já havia reivindicado ataques semelhantes em Hadramaute nos últimos meses.

O Iêmen foi engolido pela violência e instabilidade desde setembro de 2014, quando rebeldes houthis alinhados ao Irã capturaram grande parte do país, incluindo a capital Sanaa.

Uma coalizão militar liderada pela Arábia Saudita entrou na guerra no início de 2015 para restaurar o governo iemenita ao poder.

O conflito de oito anos criou uma das piores crises humanitárias do mundo, com milhões de pessoas passando fome.

LEIA: Carro-bomba mata ao menos seis em Aden, Iêmen

Categorias
IêmenNotíciaOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments