Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Alemanha assina acordo de energia com Catar

Ministro de Relações Exteriores do Catar Mohammed bin Abdulrahman Al-Thani encontra-se com o vice-chanceler alemã Robert Habeck, em Doha, 20 de março de 2022 [MBA_AlThani_/Twitter]

Alemanha e Catar conduziram negociações para instaurar uma parceria energética de longo prazo, segundo informações da imprensa divulgadas neste domingo (20).

Berlim, junto de outros membros da União Europeia, busca reduzir sua dependência de insumos russos, após a invasão militar na Ucrânia.

Em comunicado, o regime catariano confirmou que o Emir Tamim Bin Hamad Al-Thani se encontrou com o Ministro da Economia da Alemanha Robert Habeck, em Doha. Ambos debateram formas de aprimorar suas relações bilaterais, sobretudo no setor de energia.

A Alemanha insistiu que um acordo está praticamente fechado, mas o Catar preferiu não corroborar sua conclusão.

“As empresas que vieram ao Catar [junto de Habeck] entrarão agora em negociações contratuais com o lado catariano”, afirmou um porta-voz do ministro europeu.

O Catar, por outro lado, observou que busca fornecer insumos à Alemanha há anos, mas que jamais foram alcançados acordos materiais.

Após o início da guerra na Ucrânia, a maioria dos estados-membros do bloco europeu assumiram medidas para reduzir sua dependência do gás natural importado da Rússia.

LEIA: Ninguém pode substituir gás natural da Rússia à Europa, alerta Catar

Categorias
AlemanhaCatarEuropa & RússiaNotíciaRússiaUcrânia
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments