Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Uma leitura política do cenário sírio (1970-2022)

Desde que o regime da família al-Assad tomou o poder na Síria, no início dos anos 70, todas as instituições nacionais do país começaram a declinar, seja através de seu desempenho, que atingiu níveis sem precedentes de queda, seja pela corrupção administrativa. Sem transparência, o Estado fracassou em implementar o seu papel. A falta de democracia contribuiu para a ruptura dos poderes e competências das instituições estatais e confiscou o poder de decisão também das instituições legislativas e judiciais. O chefe do regime tornou-se a única pessoa autorizada a tomar decisões em cada junta do Estado, adotando uma agenda política repetitiva e exaustiva, controlando o processo eleitoral, com as forças de segurança do regime sírio induzindo à reeleição e ao direito a novos mandatos presidenciais.

Na sequência da onda de revoltas populares em outros países árabes, durante a Primavera Árabe, o regime sírio não aceitou os pedidos de sua população por democracia, respondendo às manifestações pacíficas de forma truculenta.

A grande revolução popular logo se tornou um conflito armado diante da repressão do governo sírio. Após o regime ordenar ataques militares a áreas civis, o resultado foi a fragmentação do exército com um grupo de oficiais que haviam desertado anunciando a criação do Exército Sírio Livre (FSA), com o objetivo de retirar o Presidente Assad do poder. Como os contínuos ataques das forças governamentais aos manifestantes, o Exército Livre cresceu em número e passou a atacar bases do exército e quartéis-generais de inteligência. Os combates entre o exército do regime e o Livre se tornaram disseminados levando a uma guerra civil, na qual Bashar Al-Assad conseguiu o apoio da Rússia, Irã e Turquia.

O conflito na Síria destruiu o país, obrigando mais de cinco milhões de pessoas a fugirem, levando a uma crise de refugiados na Europa. Na ONU, a comunidade internacional tenta chegar a uma solução que possibilite o retorno dos refugiados, mas, ao que tudo indica, será um longo processo até que isso aconteça.

Clique aqui para baixar o documento 

Categorias
Oriente MédioPublicaçõesSíria
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments