Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Arqueólogos descobrem um jogo de tabuleiro de pedra de 4.000 anos em Omã

Arqueólogos em Omã [ticiaverveer/Twitter]

Arqueólogos descobriram um tabuleiro de jogo de pedra em Omã que se acredita ter mais de 4.000 anos. A equipe conjunta de Poloneses e Omãs encontrou o item raro no local de um antigo assentamento no Vale Qumayrah do sultanato.

Localizada perto da vila de Ayn Bani Saidah, a descoberta foi descrita como “a mais emocionante e inesperada de todos os tempos”, de acordo com o Centro Polonês de Arqueologia Mediterrânea (CAŚ) da Universidade de Varsóvia, que publicou a descoberta na terça-feira.

O projeto liderado pelo Dr. Sultan Al-Bakri e Professor Piotr Bielinski foi intitulado “O desenvolvimento de assentamentos nas montanhas do norte de Omã na Idade do Bronze e do Ferro”.

Como parte do estudo, os pesquisadores identificaram um antigo assentamento do chamado período Umm Al-Nar (2500-2000 aC), em que desenterraram vestígios de grandes torres circulares e estruturas da Idade do Bronze.

As descobertas foram feitas no mês passado e, além do tabuleiro do jogo de pedra, também foram encontradas evidências de fundição de cobre. Bielinski disse que essa descoberta mostra que o antigo assentamento participou do lucrativo comércio mencionado em fontes escritas da Mesopotâmia. “Omã era a potência metalúrgica daquela época”, explicou.

De acordo com Bielinski, embora a descoberta em Omã seja rara, placas semelhantes foram descobertas na Mesopotâmia e no Vale do Indo. No entanto, “essa abundância de vestígios de povoamento de diferentes períodos prova que esse vale foi um lugar importante na pré-história, e talvez também na história de Omã”.

LEIA: Máscaras dramáticas são descobertas em antigo teatro no sul da Turquia

Categorias
NotíciaOmãOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments