Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Crianças fazem vigília em Gaza para exigir a libertação de colegas nas prisões israelenses

Crianças palestinas fazem uma vigília de velas para mostrar solidariedade com prisioneiros palestinos detidos em prisões israelenses, em 15 de abril de 2017 na cidade de Gaza [MAHMUD HAMS/AFP/Getty Images]

As crianças palestinas em Gaza exigiram, nesta quinta-feira, que a comunidade internacional pressione as autoridades israelenses a liberar seus semelhantes nas prisões israelenses, relata a Agência de Notícias Anadolu.

“Exigimos a intervenção da comunidade internacional e das organizações de direitos humanos para libertar as crianças detidas nas prisões israelenses”, disse Farah Salim, 11 anos, em uma vigília realizada pela Autoridade Geral da Juventude e Cultura (governo) antes do Dia Mundial da Criança, em 20 de novembro.

Farah, que perdeu sua perna direita durante a última ofensiva israelense em Gaza em maio, disse que dezenas de crianças palestinas nas prisões israelenses estão privadas de seus direitos básicos, incluindo visitas.

Ela disse que 66 crianças foram mortas em Gaza por aviões de guerra israelenses em maio, juntamente com 1.948 crianças e mulheres que foram feridas.

Farah também enfatizou a necessidade de cessar as violações israelenses para permitir a livre circulação das crianças e permitir que os pais as visitem na prisão.

As ONGs palestinas que acompanham os assuntos dos prisioneiros disseram que, até outubro, 4.650 palestinos estavam detidos nas prisões israelenses, incluindo 34 mulheres, 160 menores e 500 detidos sob a política de detenção administrativa sem acusações ou julgamento.

LEIA: Anistia condena ataque de colonos a crianças palestinas em playground

Atacar e prender crianças palestinas é uma política israelense constante – Charge [Sabaaneh/Monitor do Oriente Médio]

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments