Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Ministro libanês alegar estar aberto a ‘qualquer solução’ em nome do país

Ministro da Informação do Líbano George Kordahi durante coletiva de imprensa no palácio presidencial, na capital Beirute, 13 de setembro de 2021 [ANWAR AMRO/AFP via Getty Images]

O Ministro da Informação do Líbano George Kordahi afirmou estar aberto a “qualquer solução” em benefício do país, a fim de restaurar relações com os estados do Golfo.

“Não quero que minha renúncia seja em vão”, declarou à MTV local.

Kordahi insistiu não estar “agarrado teimosamente ao ministério” e observou ter esperanças de que seu governo restabeleça boas relações com os países afastados.

Tensões entre Líbano e estados do Golfo emergiram nas últimas semanas, após viralizar um vídeo no qual Kordahi — um mês antes de sua nomeação como ministro, em setembro — descrevia a guerra no Iêmen como agressão da coalizão saudita.

O então apresentador de televisão argumentou na ocasião que o conflito era “fútil” e que os rebeldes houthis, ligados a Teerã, agiam em “autodefesa”.

Seus comentários levaram à retirada de diplomatas árabes do Líbano e à expulsão de representantes libaneses dos estados do Golfo. Comércio e outros contatos foram afetados.

LEIA: Líbano: Kordahi se demitirá se o Golfo garantir fim da crise diplomática

Categorias
Arábia SauditaEmirados Árabes UnidosIêmenLíbanoNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments