Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Tunísia frustra 18 tentativas de migração irregular à Itália

Cinquenta refugiados são resgatados pela Guarda Costeira, na costa de Ben Gardane, Tunísia, 8 de julho de 2021 [Tasnim Nasri/Agência Anadolu]

A Guarda Nacional da Tunísia frustrou ontem (19) dezoito tentativas de migração irregular com destino à Itália, segundo a imprensa local — 340 refugiados foram resgatados.

Hossam el-Din el-Jabali, porta-voz da Guarda Nacional, reportou que as unidades navais estacionadas na costa norte tunisiana impediram “dezoito tentativas clandestinas de infiltração em direção ao território italiano”.

“Foram resgatados 340 migrantes em situação irregular, dentre os quais 193 são cidadãos africanos subsaarianos”, acrescentou el-Jabali.

Segundo o oficial, entre os refugiados, estavam “quatro tunisianos procurados, um dos quais condenado a 42 anos de prisão, devido a casos relacionados a direitos públicos”.

Nos últimos meses, autoridades tunisianas expandiram esforços para frustrar tentativas de migração à Europa, via Mar Mediterrâneo; centenas de pessoas foram detidas.

O êxodo tunisiano agravou-se na última década, devido à instabilidade financeira no país.

Entre 2011 e 2018, recursos da União Europeia concedidos à Tunísia chegaram a €2.5 bilhões, incluindo €1.7 bilhões em empréstimos e €800 milhões em ajuda macroeconômica, para encorajar a criação de empregos e dissuadir a jornada dos refugiados.

LEIA: Fantoche gigante da refugiada ‘Amal’ chega a Paris a caminho do Reino Unido

Categorias
ÁfricaEuropa & RússiaItáliaNotíciaTunísia
Show Comments
Show Comments