Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Espionagem de Israel no Azerbaijão está sendo ‘totalmente monitorada’, diz autoridade do Irã

Comandante da Guarda de Fronteira na Força Policial Iraniana, brigadeiro-general Ahmed Ali Goudarzi [irna.ir]

O comandante da Guarda de Fronteira da Força de Aplicação da Lei Iraniana, o brigadeiro-general Ahmed Ali Goudarzi, confirmou que a espionagem israelense no Azerbaijão está sendo “totalmente monitorada”, informou o Al Mayadeen na sexta-feira.

Goudarzi destacou que a fronteira de seu país, sobretudo no norte e noroeste, “está segura e não há nada com que se preocupar”.

Em declarações à TV estatal iraniana, ele explicou que os israelenses se posicionaram em locais importantes e sensíveis do Azerbaijão, com a intenção de espionar o Irã, revelou o Al Mayadeen.

Ele ressaltou que Teerã alertou repetidamente seus vizinhos no norte contra a presença de grupos Takfiri perto da fronteira.

Na semana passada, o Ministério das Relações Exteriores do Azerbaijão negou a presença de qualquer força perto da fronteira Irã-Azerbaijão.

Mais cedo, as autoridades iranianas pediram ao Azerbaijão que “deixasse de lado a ilusão de comprar segurança em seu país de forças estrangeiras”, afirmando que “o atual governo do Azerbaijão está cometendo um erro estratégico”.

Enquanto isso, o ministro das Relações Exteriores iraniano, Hossein Amir-Abdollahian, comentou na sexta-feira que a presença da inteligência israelense no Azerbaijão não beneficia seu país.

Ele ressaltou que o Irã “não permitirá que a entidade sionista realize atividades na região do Cáucaso”.

LEIA: Pegasus, escândalo de espionagem com muito crime internacional

Categorias
AzerbaijãoIsraelNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments