Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Emirados e Síria discutem reativação de acordo comercial

Visitantes da escultura Expo 2020 durante o dia de abertura do Exposição Expo 2020 em Dubai, Emirados Árabes Unidos, na sexta-feira, 1º de outubro de 2021 [Christopher Pike / Bloomberg via Getty Images]
Visitantes da escultura Expo 2020 durante o dia de abertura do Exposição Expo 2020 em Dubai, Emirados Árabes Unidos, na sexta-feira, 1º de outubro de 2021 [Christopher Pike / Bloomberg via Getty Images]

Os Emirados Árabes Unidos e o governo sírio conversaram ontem com o objetivo de reavivar e reformar o Conselho de Empresários Sírio-Emirados, a fim de fortalecer os laços econômicos e comerciais entre os dois países.

O encontro entre o Ministro da Economia e Comércio Exterior da Síria, Muhammad Samer Al-Khalil, e seu homólogo dos Emirados, Abdullah Tawk, ocorreu paralelamente à exposição Dubai Expo 2020. Também estava presente o embaixador da Síria nos Emirados Árabes Unidos, Ghassan Abbas.

Segundo a agência de notícias estatal SANA, Al-Khalil destacou a importância das relações entre a Síria e os Emirados e a necessidade de os dois países diversificarem suas economias. Ele parabenizou os Emirados Árabes Unidos pela realização da Expo, apesar dos desafios da pandemia. Tawq, por sua vez, ofereceu apoio de seu país à Síria, transferindo sua experiência no setor econômico.

Al-Khalil também aproveitou a oportunidade para discutir o estreitamento dos laços entre Damasco e a China durante conversas com Zhang Shenfeng, o Comissário Geral do Pavilhão Chinês no evento.

Em 2018, os Emirados Árabes Unidos reabriram sua embaixada em Damasco, seguido pelo Bahrein, que disse que a Embaixada da Síria em Manama estava funcionando normalmente. Desafiando a pressão dos EUA, os Emirados Árabes Unidos enviaram uma grande delegação empresarial à Feira Internacional de Damasco vários meses após a reabertura de sua embaixada. A Síria foi suspensa da Liga Árabe por não ter acabado com o derramamento de sangue causado pela repressão brutal do governo aos protestos pró-democracia.

LEIA: Síria acolhe iniciativas para normalizar as relações com os países árabes, diz ministro

Categorias
Emirados Árabes UnidosNotíciaOriente MédioSíria
Show Comments
Show Comments