Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

‘A música ajuda os palestinos a manter a resistência’, afirma professor

Como um músico sexagenário, Khader al-Bayed, testemunhou diversos momentos da ocupação de Israel nas terras palestinas, mas viu também como a arte é instrumento de resistência.

Como um músico sexagenário, Khader al-Bayed, testemunhou diversos momentos da ocupação de Israel nas terras palestinas, mas viu também como a arte é instrumento de resistência.

“Descobri meu talento musical quando era muito jovem”, relatou em entrevista ao MEMO. “Foi difícil encontrar alguém que pudesse me ensinar e aprimorar meu talento, devido à marginalização do interesse artístico na Faixa de Gaza”.

Com o tempo, transformou um dos cômodos de sua casa em sala de música, repleto de alaúdes, violinos, flautas, tambores e outros instrumentos.

Não foi fácil trabalhar com música enquanto vivia sob ocupação, destacou Khader. “Parte da política do ocupante é erradicar a arte e a cultura palestina”.

“Costumava tocar em casamentos e convertê-los em festivais nacionais; os convidados reascendiam seu ânimo e sua resistência contra a ocupação”, prosseguiu.

“Em certa ocasião, um autor de canções revolucionárias palestinas foi preso [por Israel] e passou a contrabandear suas letras para fora da cadeia; então fazíamos música com essas letras para levantar a moral e o amor à nossa terra”, recordou Khader.

Sua casa é hoje um pequeno conservatório aos futuros músicos de Gaza.

LEIA: Com meu avô descobri a arte e o sentimento de amor e orgulho pela Palestina

Categorias
NotíciaOriente MédioPalestinaVídeos & Fotojornalismo
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments