Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Ministros de Israel, Emirados,Grécia e Chipre se reúnem sobre interesses regionais

O presidente cipriota, Nicos Anastasiades, na capital do Chipre, Nicósia, em 21 de outubro de 2020 [Iakovos Hatzistavrou/ Pool/ AFP / Getty Images]

Os ministros das Relações Exteriores de Israel e dos Emirados Árabes Unidos estão se reunindo com seus homólogos gregos e cipriotas hoje, informou o Times of Israel. A reunião de dois dias está sendo realizada em Chipre.

O Ministério das Relações Exteriores de Israel observou que esta será a primeira reunião desse tipo envolvendo as quatro nações, como parte dos esforços que estão sendo feitos para promover os interesses estratégicos regionais. Os ministros devem discutir questões econômicas e de segurança, a pandemia do coronavírus e possíveis corredores de viagens para estimular o turismo.

De acordo com o Ministério dos Negócios Estrangeiros cipriota, a intenção é aumentar a paz, a estabilidade e a segurança em toda a região. Acrescentou que os delegados também se reunirão com o presidente Nicos Anastasiades em Pafos no sábado, com a participação da delegação dos Emirados Árabes Unidos por meio de um link de vídeo.

LEIA: Grécia e Líbia devem retomar negociações sobre demarcação conjunta de fronteira marítima

Chipre disse que as negociações de quatro vias sem precedentes “aproveitariam as perspectivas abertas” pela normalização das relações entre Israel e os Emirados Árabes Unidos. O ex-presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou tal acordo entre os Emirados Árabes Unidos e Israel mediado por Washington em agosto passado.

Na época, os Emirados Árabes Unidos alegaram que a normalização era um esforço para evitar a anexação planejada por Israel de uma grande parte da Cisjordânia ocupada. O primeiro-ministro israelense Benjamin Netanyahu negou isso e insistiu que a anexação não está fora da mesa, mas simplesmente foi adiada.

Os oponentes acreditam que a normalização está para acontecer há muitos anos, já que os israelenses fizeram visitas oficiais aos Emirados Árabes Unidos e participaram de conferências no país, embora não houvesse relações diplomáticas entre os dois países.

LEIA: Turquia salva 470 requerentes de asilo devolvidos às suas águas pela Grécia

Categorias
ChipreEmirados Árabes UnidosEuropa & RússiaGréciaIsraelNotíciaOriente Médio
Show Comments
Show Comments