Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Exército de Israel alega capturar um ‘infiltrado’ libanês

Soldados israelenses durante exercício de combate, em uma base militar de Tel Aviv, 20 de agosto de 2019 [Jack Guez/AFP/Getty Images]
Soldados israelenses durante exercício de combate, em uma base militar de Tel Aviv, 20 de agosto de 2019 [Jack Guez/AFP/Getty Images]

Forças israelenses prenderam um cidadão libanês por supostamente atravessar a fronteira a Israel, reportou o exército sionista neste domingo (28), segundo a agência Anadolu.

“Durante a madrugada, nossas tropas apreenderam um suspeito que atravessava a Linha Azul, do Líbano a Israel”, declarou o exército em nota.

Segundo o comunicado, o suspeito tentou infiltrar-se em Israel na região de fronteira de Monte Dov, também conhecida como Jabal Ross. O suspeito foi transferido à custódia das forças de segurança para interrogatórios.

Autoridades libanesas não comentaram o caso.

A fronteira entre Israel e Líbano vive regularmente em estado de alerta, com incidentes esporádicos entre o exército da ocupação israelense e o grupo libanês Hezbollah, ligado ao Irã, ao menos desde 2006, quando eclodiu uma guerra aberta de um mês, entre as partes.

Segundo o Human Rights Watch (HRW): “O conflito resultou em ao menos 1.109 libaneses mortos, a maioria civis, e 4.399 feridos, além de um milhão de deslocados”. Segundo a organização internacional, 43 civis e 12 soldados israelenses foram mortos na ocasião.

LEIA: Libaneses pagarão ‘alto preço’ se o Hezbollah atacar Israel, diz Gantz

Categorias
IsraelLíbanoNotíciaOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments