Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

AP e Egito recebem sinais positivos de Israel para explorar gás natural ao largo de Gaza

A sede da estatal egípcia empresa holding de gás natural (EGAS) no Cairo, em 23 de abril de 2012 [Khaled Desouki/ AFP / GettyImages]
A sede da estatal egípcia empresa holding de gás natural (EGAS) no Cairo, em 23 de abril de 2012 [Khaled Desouki/ AFP / GettyImages]

A Autoridade Palestina e o Egito receberam “sinais positivos” de Israel em relação ao desenvolvimento de um campo de gás natural na costa da Faixa de Gaza, disse ontem uma autoridade palestina.

No domingo, o Fundo de Investimento Palestino assinou um acordo com a Companhia Egípcia de Gás Natural (EGAS) para desenvolver o campo Gaza Marine e a infraestrutura necessária.

A fonte, que preferiu não ser identificada, disse à Anadolu que o lado egípcio também recebeu sinais positivos de Israel para avançar com os palestinos no desenvolvimento do campo.

O presidente do Conselho de Administração do Fundo de Investimento Palestino, Muhammad Mustafa, disse que sérios esforços estão sendo feitos com os egípcios para desenvolver o campo.

LEIA: Após três décadas, o Hamas continua sendo um movimento democrático popular

“Os egípcios têm seu peso político e geográfico, bem como experiência no setor de gás”, disse ele, acrescentando que “com o apoio do recém-criado Fórum de Gás do Mediterrâneo Oriental, aumentou a nossa oportunidade de explorar o campo”.

O Fundo de Investimento Palestino possui 27,5 por cento do campo.

A Palestina é membro do Fórum do Gás do Mediterrâneo Oriental, fundado há dois anos, junto com Israel, Egito, Grécia, Itália, Jordânia e Chipre grego.

O Gaza Marine foi descoberto na década de 1990, mas os palestinos não podiam utilizá-lo devido às restrições israelenses.

O campo está localizado 36 quilômetros a oeste da Faixa de Gaza sitiada no Mar Mediterrâneo e foi desenvolvido em 2000 pela British Petroleum (BP).

O campo é visto como uma forma de permitir que os territórios palestinos alcancem a independência energética. Os palestinos na Cisjordânia e Gaza atualmente recebem a grande maioria de sua eletricidade de Israel.

Categorias
ÁfricaEgitoIsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments