Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Sinais de guerra econômica entre Marrocos e Espanha

Cidadãos marroquinos presos na Espanha desde o fechamento das fronteiras em meados de marços, diante da pandemia de coronavírus, seguem ao setor alfandegário antes de atravessar a fronteira com o Marrocos, no território espanhol de Ceuta, em 30 de setembro de 2020 [Antonio Sempere/AFP/Getty Images]
Cidadãos marroquinos presos na Espanha desde o fechamento das fronteiras em meados de marços, diante da pandemia de coronavírus, seguem ao setor alfandegário antes de atravessar a fronteira com o Marrocos, no território espanhol de Ceuta, em 30 de setembro de 2020 [Antonio Sempere/AFP/Getty Images]

Relatos de imprensa alertaram para a possibilidade de uma guerra econômica sem precedentes entre Marrocos e Espanha, após medidas assumidas por autoridades marroquinas para impedir atividades de contrabando, ao suspender permanentemente o comércio via as travessias de Ceuta e Melilla.

Madri recentemente anunciou a imposição de uma multa de US$700 contra caminhões que entrem no território espanhol com mais de 200 litros de combustível. Contudo, parece monitorar apenas veículos com origem do Marrocos.

O jornal marroquino Akhbarna reportou que tais medidas coincidiram com um período de exportação intensiva de produtos agrários marroquinos à Europa, causando perdas massivas a empresas de carregamento internacionais e afetando prazos de entrega a compradores.

Segundo as informações, o Marrocos respondeu ao anunciar uma nova medida que requer a caminhões espanhóis que apresentem um contrato de parceria a uma empresa marroquina para obter permissão para atravessar ao território africano.

Caso as novas regulações sejam violadas, veículos espanhóis serão confiscados no porto de Tanger Med. A decisão entrou em vigor na terça-feira (27).

LEIA: Índia e Marrocos devem assinar acordos de defesa

Categorias
ÁfricaEspanhaEuropa & RússiaMarrocosNotícia
Show Comments
Show Comments