Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

320 trilhões de pés cúbicos de gás natural no Mediterrâneo Oriental, afirma Egito

Campo de gás natural no Mar Mediterrâneo, em 19 de dezembro de 2019 [Jack Guez/AFP/Getty Images]
Campo de gás natural no Mar Mediterrâneo, em 19 de dezembro de 2019 [Jack Guez/AFP/Getty Images]

O Ministro de Petróleo e Recursos Naturais do Egito Tariq El-Molla revelou ontem (22) que 320 trilhões de pés cúbicos de gás natural foram descobertos na região do Mediterrâneo Oriental, o que pode tornar a área um centro global para indústria energética.

Os sete estados-membros do Fórum de Gás Natural do Mediterrâneo Oriental – Egito, Israel, Chipre, Grécia, Jordânia, Itália e Autoridade Palestina – converteram ontem a aliança em organização regional formal, com sede no Cairo.

Em discurso na cerimônia de lançamento, El-Molla afirmou que os Estados Unidos desejam juntar-se ao fórum como observador, enquanto França pede por filiação plena.

O ministério egípcio declarou em nota que o fórum pretende estabelecer um mercado regional de gás natural, racionalizar custos de infraestrutura e oferecer preços competitivos.

O fórum foi lançado em janeiro de 2019 para reforçar a cooperação entre estados-membros.

Entretanto, Hami Aksoy, porta-voz do Ministério de Relações Exteriores da Turquia, descreveu a entidade como “bloco anti-Ancara”, ao destacar que formalizá-la como organização regional “está longe da realidade”.

LEIA: EUA continuam a roubar petróleo sírio via Iraque, alega Síria

Categorias
ÁfricaEgitoEuropa & RússiaNotíciaTurquia
Show Comments
Show Comments