Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Coronavírus continua a fazer vítimas no Oriente Médio e Norte da África

Funcionários palestinos do Ministério da Saúde participam de treinamento contra o coronavírus (covid-19), organizado pelas pastas da saúde e do interior em Gaza, 18 de julho de 2020 [Mohammed Asad/Monitor do Oriente Médio]
Funcionários palestinos do Ministério da Saúde participam de treinamento contra o coronavírus (covid-19), organizado pelas pastas da saúde e do interior em Gaza, 18 de julho de 2020 [Mohammed Asad/Monitor do Oriente Médio]

Neste sábado (1°), a pandemia de coronavírus continuou a fazer vítimas por todo o Oriente Médio e Norte da África. Abaixo, um resumo de mortes e casos confirmados, registrado pela agência Anadolu.

A pandemia de covid-19 resultou em mais de 680.500 vítimas em ao menos 188 países e regiões, desde dezembro último, quando surgiu na província de Wuhan, China.

Estados Unidos, Brasil, Índia e Rússia são atualmente os países mais atingidos no mundo.

No Brasil, foram registrados 2.7 milhões de casos e mais de 90 mil mortes até então. O país registra média de mais de mil mortes por dia desde maio.

No mundo todo, foram confirmados quase 17.64 milhões de casos; destes, 10.36 milhões são pacientes que se recuperaram da doença, segundo estimativas compiladas pela Universidade John Hopkins, referência em medicina nos Estados Unidos.

Kuwait

O Ministério da Saúde do Kuwait registrou seis mortes e 770 novos casos nas últimas 24 horas. Além disso, 491 pacientes se recuperaram no mesmo período.

O total de casos no estado do Golfo, chegou a 67.448 e 453 mortes, até então. Estima-se que 58.525 pessoas se recuperaram da doença.

Líbano

No Líbano, país árabe com 6.8 milhões de habitantes, duas novas mortes e 175 casos foram confirmados, segundo o Ministério da Saúde. São 61 vítimas da doença, até então, e 5.730 casos.

Argélia

Ao menos treze mortes e 556 casos foram reportados na Argélia, 42 milhões de habitantes, nas últimas 24 horas, segundo nota do Ministério da Saúde.

A taxa de mortalidade no país chegou a 1223 vítimas; a taxa de infecção aumentou a 30.950 casos, incluindo 20.988 pacientes recuperados.

Emirados Árabes Unidos

Nos Emirados Árabes Unidos (EAU), o Ministério da Saúde confirmou 254 novos casos e 346 recuperações. Em declaração, o ministério relatou que o número de diagnósticos positivos para a doença no país chegou a 60.760, incluindo 351 mortes e 54.225 pacientes recuperados.

Palestina

Ao menos 323 novos casos foram registrados na Palestina ocupada, afirmou em comunicado autoridades de saúde. A taxa de mortalidade permanece em 85 vítimas.

São 15.555 casos até então, nos territórios palestinos ocupados por Israel, incluindo Jerusalém Oriental. Números oficiais registraram 6.598 pacientes recuperados.

A potência ocupante, no entanto, registra números mais altos e aumento nos casos, além de manter políticas de expropriação, que deixam os palestinos vulneráveis.

Catar

No Catar, com 2.7 milhões de habitantes, o Ministério da Saúde registrou 216 novos casos. Em nota, afirmou que o número total chegou agora a 110.911 diagnósticos positivos, com 174 mortes e 107.578 recuperações.

Jordânia

A Jordânia, com quase 10 milhões de habitantes, não registrou novas mortes, mas 15 casos de covid-19 foram reportados, segundo nota do Ministério da Saúde do país.

Apenas onze pacientes morreram de coronavírus na Jordânia, conforme números oficiais desde o início do surto. Até então, 1.208 pessoas foram infectadas e 1.094 se recuperaram, prosseguiu a declaração.

Categorias
ÁfricaArgéliaCatarCoronavírusEAUJordâniaKuwaitLíbanoNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Show Comments