Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Tunísia impede 23 refugiados de chegar à Europa

Refugiados africanos sentam-se à bordo da embarcação “Sarost 5”, estacionada no porto tunisiano de Zarzis, em 1° de agosto de 2018 [Fathi Nasri/AFP/Getty Images]
Refugiados africanos sentam-se à bordo da embarcação “Sarost 5”, estacionada no porto tunisiano de Zarzis, em 1° de agosto de 2018 [Fathi Nasri/AFP/Getty Images]

Autoridades tunisianas interromperam ontem (29) uma tentativa de refugiados de entrar na Europa, reportou a agência de notícias do país TAP, mencionando fontes locais.

Segundo o relato, Unidades da Guarda Marítima na província de Mahdia, leste da Tunísia, conseguiram “frustrar uma tentativa de imigração ilegal e impedir 23 pessoas de chegar à costa italiana”.

Conforme informações, a Tunísia está intensificando esforços para obstruir a imigração ilegal realizada por meio da costa tunisiana ao longo do Mar Mediterrâneo.

A Itália tornou-se com o tempo o principal ponto de entrada para requerentes de asilo à Europa.

A Organização Internacional de Migração (OIM), agência das Nações Unidas, registra que 373 refugiados e imigrantes faleceram, até então, ao tentar atravessar o Mar Mediterrâneo em direção à Europa.

LEIA: Número de mortos em desastre com refugiados na costa da Tunísia chega a 46 vítimas

Categorias
ÁfricaNotíciaOrganizações InternacionaisTunísiaUnião Europeia
Show Comments
Show Comments