Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Confirmações de coronavírus em Israel aumentam 40% em 24 horas

Israelenses votaram em seção eleitoral especial para pessoas em quarentena por exposição potencial ao coronavírus em Rosh Haayin, Israel. Em 2 de março de 2020. [Mostafa Alkharouf/Agência Anadolu]

Os casos confirmados de coronavírus em Israel saltaram 40%, para 427 nas últimas 24 horas, disse o Ministério da Saúde na quarta-feira, prevendo um aumento mais acentuado à medida que testes em massa são implementados, relata a Reuters.

Depois de pedir aos israelenses que fiquem em casa e aprovar o monitoramento cibernético de seus movimentos para reduzir os riscos de infecção, o primeiro-ministro Benjamin Netanyahu disse que pelo menos 3.000 testes de coronavírus serão realizados diariamente, inclusive em novas estações drive-through.

“Vamos chegar a uma situação em que existem centenas de novos pacientes todos os dias, e possivelmente mais”, disse Moshe Bar Siman-Tov, diretor-geral do Ministério da Saúde, à Rádio do Exército de Israel.

Israel enfrenta o medo do coronavírus – Cartum [Sabaaneh/Monitor do Oriente Médio]

Com mais 304 casos confirmados na manhã de terça-feira, cinco dos 427 pacientes estão em estado crítico, informou o ministério.

Não houve relatos de mortes por coronavírus em Israel ou nos territórios palestinos.

Na Cisjordânia ocupada, as autoridades de saúde palestinas confirmaram 44 casos. Nada foi detectado na densamente povoada Faixa de Gaza.

LEIA: Indiano é internado após israelenses confundirem-no com chinês, em ataque relacionado ao coronavírus

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioSlide Grande
Show Comments
Show Comments