Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Treze engenheiros do exército egípcio são investigados por corrupção

Presidente egípcio Abdel Fattah al-Sisi, cercado pelos principais generais militares no Cairo [foto de arquivo]

O Ministério Militar do Egito está investigando 13 funcionários da Comissão do Exército de Engenharia, por corrupção relacionada a projetos de infraestrutura de larga escala.

Segundo o The New Khalij, as investigações começaram após a controvérsia que eclodiu com o colapso de uma rodovia regional, devido às inundações das chuvas.

Foram gastos cinco bilhões de libras egípcias nessa rodovia, supervisionada pela comissão.

As fontes, que revelaram o caso ao The New Khalij, vincularam as investigações a vazamentos do ex-contratado egípcio Mohamed Ali, relacionados a fraudes, corrupção, construção de palácios, hotéis e parques, custando bilhões de libras.

Cerca de duas semanas atrás, Ali divulgou que bilhões de libras estavam sendo gastos em grama verde ao redor dos edifícios na nova capital administrativa.

Desde julho de 2014, após o golpe militar realizado por Abdel-Fattah Al-Sisi contra o primeiro presidente egípcio eleito livremente, Mohamed Morsi, o exército vem realizando grandes projetos em diversos setores, incluindo turismo, imóveis, esportes e agricultura.

Categorias
ÁfricaEgitoNotícia
Show Comments
Show Comments