Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Israel invade residências em Hebron conforme avançam os processos de judaização

Forças israelenses utilizam balas de borracha reprimir uma manifestação palestina contra uma série de ataques israelenses a residências e lojas em Ramalah, Cisjordânia, 7 de janeiro de 2019 [Issam Rimawi/Agência Anadolu]

Neste domingo (7), um grande contingente de forças da ocupação israelense executou uma série de ataques contra diferentes áreas em toda a cidade de Hebron (Al-Khalil), na Cisjordânia ocupada. As informações são da rede de notícias Arab48.

Fontes locais relataram que os israelenses invadiram residências palestinas nos bairros de Issy e Wadi Al-Hariyeh.

Enquanto isso, diversos grupos de colonos ilegais israelenses invadiram também a Cidade Velha de Al-Khalil e atiraram pedras contra residências palestinas perto do assentamento colonial de Kiryat Arba.

No território ocupado do Vale do Jordão, israelenses também fizeram uso de tratores para iniciar as obras de construção de uma estrada exclusivamente judaica, que servirá ao assentamento colonial de Maskiot. O Vale do Jordão é submetido ao processo intensivo de judaização israelense a fim de eliminar a presença palestina antes de anexar o território, de forma ilegal, ao estado ocupante.

Como parte do processo, Israel confisca terras palestinas para estabelecer supostas zonas militares e “reservas naturais”, além de assediar a população nativa e demolir suas casas.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments