Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Israel mata mais um jovem palestino na Cisjordânia ocupada

Soldados israelenses reprimem protesto palestino em Hebron (Al-Khalil), na Cisjordânia ocupada, em 9 de agosto de 2022 [Mamoun Wazwaz/Agência Anadolu]

Forças da ocupação israelense mataram a tiros um jovem palestino e feriram ao menos 31 pessoas durante uma invasão na cidade de Nablus, na Cisjordânia ocupada, na noite desta quarta-feira (17).

Médicos do Hospital Árabe Especializado – localizado na cidade – reportaram que Waseem Nasser Abu Khalifa, de 18 anos, foi executado durante a operação.

Ahmad Jibril – diretor do Departamento de Emergência do Crescente Vermelho em Nablus – confirmou que Abu Khalifa foi atingido por duas balas no tórax, uma das quais penetrou seu coração. As tropas israelenses utilizaram munição real contra os palestinos.

Conforme fontes de segurança da Autoridade Palestina, soldados da ocupação invadiram várias áreas de Nablus, incluindo as ruas Amã e Jerusalém, os arredores da Tumba de José, os campos de refugiados de Balata e Askar e comunidades adjacentes.

Jibril reiterou que os soldados abriram fogo contra civis palestinos que protestavam contra a incursão. Além dos 31 feridos, outras 25 pessoas foram tratadas por inalar gás lacrimogêneo. Três dos feridos correm risco de vida.

LEIA: A brutalidade e a morte como formas de opressão de Israel aos palestinos

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments