Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Houthis do Iêmen aceitam conversas de paz em ‘país neutro’

1
Nayef Falah al-Hajraf, Secretário-Geral do Conselho de Cooperação do Golfo (CCG) durante coletiva de imprensa em Riad, Arábia Saudita, em 17 de março de 2022 [FAYEZ NURELDINE/AFP via Getty Images]

Oficiais houthis alegaram acatar pedidos internacionais por diálogo com a coalizão liderada pela Arábia Saudita sobre a guerra no Iêmen, desde que as negociações sejam realizadas em um país neutro, reportou a agência de notícias Anadolu.

Segundo nota emitida nesta quinta-feira (17) pelo Ministério de Relações Exteriores do governo controlado pelos houthis, o movimento está disposto a engajar-se com os membros da coalizão árabe, mas é preciso sediar as reuniões em um país não envolvido na guerra.

De acordo com a agência de notícias Saba (administrada pelos houthis), o grupo iemenita reiterou seus pressupostos de paz e diálogo.

Mais cedo, o Conselho de Cooperação do Golfo (CCG) convidou as partes relevantes no Iêmen a comparecem a Riad, capital da Arábia Saudita, em 29 de março, com o objetivo de debater uma paz abrangente no território assolado por confrontos armados.

O Iêmen está em guerra desde 2014, quando houthis ligados a Teerã capturaram grande parte do país, incluindo a capital Sana’a. No ano seguinte, Arábia Saudita, Emirados Árabes Unidos e aliados intervieram no conflito.

Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), trata-se de uma das piores crises humanitárias produzidas pelo homem na história moderna.

LEIA: Marrocos deporta refugiados iemenitas que tentavam entrar na Espanha

Categorias
Arábia SauditaCCGIêmenNotíciaOrganizações InternacionaisOriente Médio
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments