Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Apesar de todas as restrições israelenses, primeiro craque palestino de futebol é selecionado para a Espanha

Jamal Yaghi (D), Gerente de Planejamento e Desenvolvimento do Grupo Champions [Jamal Yaghi]

A realidade do esporte na Palestina enfrenta muitos desafios que dificultam o sonho do futebol palestino. Por exemplo, os jogadores palestinos precisam de permissão para cruzar os postos de controle israelenses para chegar aos estádios de futebol. Além disso, as equipes palestinas enfrentam dificuldades para participar de competições internacionais devido às restrições de viagem impostas por Israel. Às vezes, os jogos locais podem ser cancelados quando governantes e autoridades não podem comparecer a eles em Gaza ou na Cisjordânia.

Apesar de todas essas restrições, a Academia dos Campeões da Faixa de Gaza anunciou, na última quinta-feira, a seleção do primeiro jogador de futebol juvenil palestino para uma famosa academia de futebol espanhola, em um passo proativo no campo dos esportes árabes e palestinos. Este anúncio aconteceu através de uma conferência oficial que aconteceu na sede da Academia “Wospac” em Barcelona, ​​Espanha e foi transmitida online para o povo da Faixa de Gaza. A Wospac prepara e fornece jogadores para clubes europeus, como o famoso jogador de futebol do Barcelona, ​​Jordi Alba.

Yusuf Ibrahim Eljamal foi selecionado após atender aos critérios da Wospac Academy pelas capacidades como jogador, especialização, aptidão física, idioma e outros critérios.

Ele nasceu na Cidade de Gaza e ingressou na Champions Football Academy em 2015, entre os jogadores mais talentosos da academia.

“Este importante passo veio após cerca de dois anos de negociações com vários clubes e academias internacionais e continentais. Essas conquistas abrirão uma porta de esperança para os talentos esportivos e lhes darão uma sensação de possibilidade de realizar seus sonhos de jogar com os melhores clubes no mundo. Gaza, e Palestina, em geral, são uma área rica de talentos mas falta atenção a eles. A Faixa de Gaza é um mercado de talentos que ainda não se abriu”, disse Jamal Yaghi, Gerente de Planejamento e Desenvolvimento do grupo Champions, ao MEMO.

A Champions Academy foi fundada em 2015, com o objetivo central de treinar e preparar jovens atletas. Também visa preparar uma geração de atletas que poderão competir com outras ao redor do mundo. Yaghi explica: “A academia oferece 8 tipos diferentes de esportes e segue métodos de treinamento internacionais para pavimentar o caminho e abrir as portas do profissionalismo para nossos jovens jogadores”. Ele também acrescenta: “A Academia pesquisou muito sobre academias internacionais fora da Faixa de Gaza. Começou então a enviar vídeos e se comunicou com vários clubes. Entre os clubes, entramos em contato com a Wospac Spanish Academy”.

A Wospac Academy é uma academia internacional com sede em Barcelona, ​​Espanha. Tem uma longa história no campo do futebol, fornecendo jogadores para os clubes internacionais. Nos últimos anos, apresentou mais de 30 jogadores profissionais a clubes europeus, como Barcelona e Real Madrid. A Academia está em parceria com muitos clubes de futebol internacionais, onde treina periodicamente seus jogadores nesses clubes europeus, e depois os qualifica para o profissionalismo internacional. “A Academia Espanhola Wospac nos pediu para enviar um jogador palestino por 6 meses para concluir os procedimentos legais, como exame médico e registro legal, e então eles podem comprá-lo oficialmente para jogar em um clube europeu”, diz Yaghi.

A história de Gaza continua a ser única, apesar de todos os esforços de Israel para obliterar seu amor e esperança de vida. Enquanto Israel está determinado a continuar suas constantes violações contra o povo palestino, os palestinos estão ainda mais determinados a provar seus nomes e poder em todo o mundo. Yusuf Eljamal aguarda agora um futuro cheio de desafios e esperanças. Os atletas juniores de Gaza dependem dele para sair do cerco imposto a eles pela ocupação durante anos, para voar e alcançar a vitória para todos os palestinos. Este cerco não os impediu de colocar seu nome ao lado de outros nomes internacionais. “Estamos confiantes de que ele aprenderá com essa experiência e alcançará o sucesso em direção ao profissionalismo internacional. Nossos olhos estão sempre focados em talentos emergentes do esporte, para abrir horizontes e melhores oportunidades para eles”, conclui Jamal Yaghi, Gerente de Planejamento e Desenvolvimento do Grupo Champions.

Categorias
EntrevistasEspanhaEuropa & RússiaIsraelOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments