Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Hackers vazam dados da comunidade LGBTQ de Israel, após pedido de resgate

Ataque cibernético, 19 de setembro de 2019 [Kacper Pempel/Reuters]

Um grupo de hackers autodenominado Black Shadow vazou informações de centenas de membros da comunidade LGBTQ de Israel, após uma empresa local recusar-se a desembolsar US$1 milhão como resgate, reportou ontem (2) o jornal The Jerusalem Post.

Os hackers invadiram os servidores da companhia Cyberserve e coletaram dados do app de encontros Atraf, destinado ao público homossexual, além da empresa de ônibus Dan, que opera em Tel Aviv, e da companhia de viagens Pegasus.

Segundo as informações, os hackers emitiram um prazo de 48 horas para receber o resgate; caso contrário, seriam divulgados dados pessoais.

Em seu canal do Telegram, escreveu o Black Shadow: “Fim das 48 horas! Ninguém nos mandou dinheiro! Tentaram nos ganhar na conversa, mostraremos suas conversas. Os dados serão carregados. Mas não acabou, temos outros planos!”

LEIA: Hackers vazam detalhes particulares de soldados israelenses

O site Ynet News reportou a preocupação de um cidadão de Tel Aviv: “É horrível violarem minha privacidade e ameaçarem expor mensagens e fotos. Tenho de esconder minha orientação sexual, meus amigos e parentes não sabem. É muito difícil, não sei o que fazer!”

A Cyberserve hospeda websites, fornece servidores e armazena dados de usuários e empresas de diversos setores do mercado israelense.

O Black Shadow postou capturas de tela de conversas que supostamente ocorreram com representantes da empresa. Em uma das mensagens, a Cyberserve propôs pagar US$250 mil em bitcoins e pediu confidencialidade sobre a transação ao grupo.

“Vocês realmente querem mexer com o governo de Israel? Porque isso vai acabar mal para vocês”, escreveu um suposto representante da empresa, ao advertir que a polícia cibernética de israelense procuraria os hackers, caso não aceitassem a oferta.

Em seguida, a proposta foi aumentada para US$350 mil em bitcoins.

A Cyberserve, no entanto, negou o diálogo, ao alegar que, caso concordassem com as demandas, novos pedidos de resgate seriam feitos futuramente.

Categorias
IsraelNotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments