Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Erdogan pede ao parlamento para estender operações militares na Síria e Iraque

Presidente da Turquia Recep Tayyip Erdogan em Luanda, Angola, 18 de outubro de 2021. [Dogukan Keskinkiliç/Agência Anadolu]

A presidência turca emitiu nesta quarta-feira (20) um memorando ao parlamento para exortá-lo a estender por dois anos o mandato das operações militares executadas na Síria e Iraque, a partir de 30 de outubro, segundo informações da agência Anadolu.

O memorando argumenta sobre os riscos e ameaças impostos à segurança nacional pela escalada contínua dos conflitos em curso nos países adjacentes.

A Turquia intervém no Iraque, sob pretexto de manter a estabilidade e integridade territorial.

No documento, o presidente Recep Tayyip Erdogan enfatiza a “ameaça direta” representada pela presença de elementos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK; criminalizado na Turquia) e do grupo terrorista Estado Islâmico (Daesh) na região.

“Grupos terroristas … que possuem presença em áreas fronteiriças, mantêm atividades contra nossa nação, nossa segurança e nossos civis”, afirmou Erdogan. “Assumir as medidas necessárias é de máxima importância, conforme direitos consagrados pela lei internacional”.

LEIA: Relações entre EUA e Turquia enfrentam novo desafio

Categorias
Europa & RússiaNotíciaOriente MédioSíriaTurquia
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments