Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Exército sudanês recupera terras após violentos confrontos na fronteira com a Etiópia

Refugiados etíopes se reúnem para comemorar o 46º aniversário da Frente de Libertação do Povo Tigray no campo de refugiados de Um Raquba em Gedaref, Sudão oriental, em 19 de fevereiro de 2021. [Hussein Ery/AFP via Getty Images]
Refugiados etíopes se reúnem para comemorar o 46º aniversário da Frente de Libertação do Povo Tigray no campo de refugiados de Um Raquba em Gedaref, Sudão oriental, em 19 de fevereiro de 2021. [Hussein Ery/AFP via Getty Images]

O exército sudanês teria recuperado terras após violentos confrontos na fronteira com a Etiópia. Os confrontos ocorreram em Al-Fashaqa Al-Kubra, no estado de Gedaref, no leste do Sudão, entre o exército sudanês e milícias etíopes, que supostamente tomaram grandes áreas de terras agrícolas no Sudão.

De acordo com o Sudan Tribune, fontes militares confiáveis ​​disseram que unidades do exército e das forças de reserva usaram armas pesadas nos confrontos “ferozes”.

Na semana passada, milícias etíopes das tribos Amhara e Komant atacaram agricultores sudaneses na faixa de fronteira entre os dois países. “O exército conseguiu derrotar as milícias e persegui-las até o assentamento de Brecht, na fronteira entre o Sudão e a Etiópia”, disse uma fonte do Exército.

As tropas sudanesas avançaram e recuperaram o controle total de 110 km de terras agrícolas adjacentes à região de Tigray, na Etiópia.

A fronteira entre o Sudão e a Etiópia está tensa desde novembro, quando o exército sudanês realocou suas forças em Al-Fashaqa e recuperou grandes áreas de terras agrícolas que os etíopes cultivam há mais de 25 anos sob a proteção das milícias locais. A Etiópia acusa o Sudão de piorar as coisas ao entrar em seu território e ocupar terras agrícolas.

LEIA: Mais de um milhão de pessoas na batalha de Tigray recebe ajuda etíope

Categorias
ÁfricaNotíciaSudão
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments