Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Além das fronteiras: Muito além da IlhO, o mapa internacional da cooperação médica cubana

Nos últimos anos, Cuba viu-se obrigada a diversificar suas fontes de financiamento para garantir sua colaboração e a sobrevivência do próprio sistema de saúde cubano, uma das grandes conquistas sociais da Revolução.

“O sol tem manchas. Os ingratos falam apenas das manchas. Os gratos falam de luz ”José Martí.

Antes do triunfo da Revolução Cubana, em 1º de janeiro de 1959, havia 6.250 médicos na ilha; cerca de metade deles deixou o país após essa data. Além disso, mais de 63,2% deles estavam localizados em Havana, onde hospitais públicos, clínicas e centros de saúde privados eram acessíveis apenas a quem tivesse recursos para acessá-los e pudesse pagar por esses serviços. A assistência médica dificilmente chegava ao campo e partes mais isoladas. A saúde pública desde os primeiros anos da Revolução tornou-se uma prioridade para o Estado cubano, que desde o início a entendeu como um direito do povo. O governo trabalhou para criar a infraestrutura necessária para oferecer a todos os serviços gratuitamente.

Começaram a combater as doenças, destinando um orçamento de 22.670.965 pesos para financiar a saúde da população. Esses números vêm aumentando ao longo do tempo. Em 2019, foram alocados 10.662.200.000 pesos e, em 2020, 12.740.000.000 (U$ 530 milhões). Isso representa 28% do orçamento total e, junto com o destinado à educação, representa mais de 50% dele. Ambas as esferas se complementam no sistema de saúde cubano (Portal, 2019). O orçamento deste ano permitirá a realização de mais de 200 milhões de consultas médicas. Servirá também para garantir os serviços médicos prestados em hospitais e institutos, bem como a atenção primária à saúde. Essa cobertura financeira proporcionará 1,4 milhão de internações e os medicamentos necessários (Portal, 2019). Também é importante levar em conta os gastos associados à pandemia Covid-19, uma emergência sanitária que abala o mundo e da qual Cuba está isenta, e que se tornou campeã em seu combate e em muitos outros países.

Leia a reportagem completa

Categorias
CaribeCubaPublicaçõesReportagem
Show Comments
Show Comments