Portuguese / Spanish / English

Middle East Near You

Netanyahu: Nossa estratégia é levar a batalha para o campo do inimigo

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, f durante reunião semanal do gabinete em Jerusalém, em 14 de abril de 2019 [Ronen Zvulun/AFP] / Getty Images]

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, disse na segunda-feira que a estratégia de Israel é aumentar o número de unidades de reserva e levar a batalha ao campo do inimigo, conforme informou a agência RT.

Falando durante uma cerimônia realizada em homenagem às unidades de reserva militar israelenses, Netanyahu disse: “Nosso país é pequeno, mas quando somos forçados a nos defender, devemos mover a batalha para um campo mais amplo, quero dizer o campo do inimigo”.

Netanyahu disse que o exército israelense é relativamente grande, mas “precisa ser muito maior porque enfrentamos as mesmas ameaças que enfrentam as grandes potências”.

“Quando é necessário, temos que expandir nossa terra para acompanhar o aumento de nossas forças.”

Ele citou a guerra de 1973 na Síria e no Egito, dizendo que Israel venceu a batalha graças às unidades de reserva, que permitiram que o exército atacasse seus inimigos e não simplesmente defendesse o país.

Categorias
NotíciaOriente MédioPalestina
Show Comments
Expulsão dos Palestinos, O conceito de 'transferência' no pensamento político sionista (1882-1948)
Show Comments